Outubro Rosa, um cuidado especial com as mulheres

0Shares

Criado no início da década de 90 o Outubro Rosa alerta sobre o câncer de mama e traz a importância do diagnóstico.

A campanha, que acontece mundialmente todos os anos, além da conscientização, reforça a luta por direitos de atendimento médico, mais qualidade no tratamento da doença e pede por empatia da sociedade, a fim de que haja mais suporte emocional.

Segundo o Instituto Nacional de Câncer, no Brasil o câncer de mama é o que mais atinge as mulheres. Só em 2019 cerca de 59.700 casos foram diagnosticados.

Como ocorre o câncer de mama?

O câncer de mama é um tumor maligno que ataca o tecido mamário. Sua formação acontece através do crescimento de células em desordem, ocorrendo assim o desenvolvimento de um ou mais nódulos.

Um dado importante é que a incidência da doença aumenta em mulheres a partir dos 40 anos. Abaixo dessa faixa etária a ocorrência de casos é menor, assim como sua mortalidade também.

Os principais sintomas da doença são:

  • Nódulo endurecido na mama;
  • Sensação de aumento de nódulo na axila;
  • Inversão do mamilo;
  • Inchaço e vermelhidão da pele;
  • Dor na mama ou mamilo;
  • Secreção nos mamilos (sanguinolenta ou serosa).

Laço Rosa

 O símbolo da campanha é o laço rosa que tem como finalidade dar visibilidade a causa. Por essa razão, organizações e empresas utilizam o símbolo da campanha associando-o as suas marcas.

É comum ver durante todo o mês de outubro a cor rosa iluminando fachadas e divulgações nas redes sociais, entre outras formas de exposição institucional.

 De forma geral são compartilhadas informações úteis sobre o câncer de mama e, recentemente, sobre o câncer do colo do útero – que foi englobado na campanha. Todas as ações buscam levar conhecimento, acesso mais fácil aos serviços de diagnóstico sobre ambas as doenças, entre outros.

Curiosidade:

O primeiro Outubro Rosa no Brasil ocorreu em 2002, no parque Ibirapuera, em São Paulo. E contou com uma iluminação cor-de-rosa do Obelisco Mausoléu até o Soldado Constitucionalista.

Obstáculos encarados pela doença

Entre as tantas dificuldades que as pacientes encaram quando diagnosticadas temos o medo, a ansiedade, a negação e o estado depressivo. Sem contar os sintomas biológicos, efeitos colaterais do tratamento, as mudanças no corpo, a limitação dos recursos financeiros, entre outras experiências negativas.

Aumentando a chance de cura

É possível aumentar expressivamente as chances de cura das pacientes com o diagnóstico precoce, chegando a 95%, o que é muito mais que positivo, é transformador.  Por isso, há a necessidade que as mulheres se interessem e se preocupem em conhecer não só suas mamas, mas seus corpos por completo para ficarem mais atentas e preparadas.

Consequentemente, a qualquer sinal de alteração no organismo, elas tomarão providências mais assertivas – a primeira delas, sem dúvidas, é procurar imediatamente orientação médica.

A mamografia é imprescindível no autocuidado da mulher, já que é a principal ferramenta para rastrear com eficácia a doença.

Mídias Sociais

Outra ferramenta poderosa são as mídias sociais pela capacidade de atingir mais pessoas em tempo record.

Com muita gente, especialmente mulheres que já foram diagnosticas, falando sobre o assunto de diferentes formas, de origem e culturas diversificadas, barreiras são quebradas, tabus são desmitificados e uma grande onda de emoção toma conta da rede trazendo insights importantes a todos.

Em 2016 a revista Breast Cancer Research and Treatment apontou que foram publicados mais de 1 milhão de posts sobre o câncer de mama.

Você sabia que amamentar ajuda as mulheres a prevenir a doença?

Pois é, estudos comprovam que a amamentação não traz somente benefícios para a saúde do bebê, mas para as mamães também e um deles é a prevenção do câncer de mama.

 A possibilidade de contrair a doença chega a diminuir 4,3% a cada 12 meses de duração de amamentação. 

Sabendo da importância do Outubro Rosa na vida de milhares de mulheres a Aquasport vai lançar uma ação bem bacana na semana do dia 28/10 ao dia 31/10 As aulas de bike indoor serão todas especiais em prol a essa causa! Muito bacana, né?

Ainda não é aluno? Entre já em contato conosco e marque uma aula experimental!

Fontes:

https://bit.ly/32muOjH

https://bit.ly/2nw2KdZ

https://bit.ly/2m6yKVr

https://bit.ly/2J0DRRa

https://bit.ly/1JAHAcg

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.